Não gosto do nim nem do talvez, gosto do sim, do não, do branco ou preto. Pretendo que este blog seja uma lufada de ar fresco na forma como a realidade actual é vista. Os ingredientes deste blog são: o humor, a ironia, e a clareza.

Muitos analistas têm comparado a situação portuguesa à situação grega.

Confesso que sempre tive alguma relutância em aceitar esta posição.

 

No entanto, a verdade é que ultimamente me tenho sentido grego para pagar as minhas contas.

 

Às tantas, eles têm mesmo razão.

 

Começo a ponderar em emigrar para o estrangeiro.

 

Tenho várias hipóteses, uma delas é os Açores, mas existe a barreira linguística...

 

Parece que lá na Grécia o vírus da gripe tem atacado em força, mas eu suspeito que o vírus que os tem atacado é o vírus da pobreza, mas por razões óbvias eles têm vindo a esconder, para não alarmar a população.

 

Meus amigos, para este vírus não há vacina que valha!

 

Este vírus tem como causa principal uma bactéria tendencialmente fatal denominada "Troika", que paradoxalmente tem atacado em todas as estações do ano.

 

Tenho informações seguras de que embora em proporções menores, este vírus já começou a atacar em Portugal...

publicado por contasclaras às 10:52 | link do post

O impensável...aconteceu...

O Relvas cantou!

No clube dos pensadores deu-lhe para acompanhar umas pessoas que cantavam a música de Abril do Zeca Afonso.

O homem que estava ao lado do Dr. Relvas, disse para uma jovem da assistência: “ tá calada, tá calada…”, o que achei estranho, visto que achava mais sensato se essas palavras fossem dirigidas ao Relvas…

Ó Doutor Miguel Relvas, pensando melhor, visto que foi apanhado desprevenido e não teve tempo para aquecer a voz, damos-lhe equivalência a expressão musical.

Enfim…

No outro dia a minha mulher "sugeriu" que eu lavasse a louça.
De repente, tive um golpe de génio: começar a cantar a "Grândola, Vila Morena".
Não correu como tinha planeado, dormi no sofá da sala essa noite!
Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.

Eu já devia saber...tudo o que vem do Relvas dá buraco...como quem diz: dá sofá...

Como dizia o outro, Cantar? Jamais!

Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.

Eu já devia saber...tudo o que vem do Relvas dá buraco...como quem diz: dá sofá...

Como dizia o outro, Cantar? Jamais!Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.

Eu já devia saber...tudo o que vem do Relvas dá buraco...como quem diz: dá sofá...

Como dizia o outro, Cantar? Jamais!Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.

Eu já devia saber...tudo o que vem do Relvas dá buraco...como quem diz: dá sofá...

Como dizia o outro, Cantar? Jamais!Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.

Eu já devia saber...tudo o que vem do Relvas dá buraco...como quem diz: dá sofá...

Como dizia o outro, Cantar? Jamais!Afinal, e para meu grande desgosto, eu ainda canto pior que o Relvas.Afinal, e para meu grande desgosto ainda canto pior que o Relvas.

O meu medo é se a malta da Troika aprende o "Grândola, Vila Morena", vai ser o bom e o bonito.

 Estou a imaginar o Passos Coelho e o Victor Gaspar a pedirem mais tempo para cumprirem as metas do déficit, e os da Troika começarem a cantar o "Grândola, Vila Morena"...

 O pior é se o Victor Gaspar decidir também cantar...e como ele deve cantar tão "rápido" como fala, a coisa ainda vai ser pior do que com o Relvas...

 Ai vai, vai...

Mudando de conversa, estou na dúvida se já comi ou não carne de cavalo.

 Em todo o caso, acho a polémica ridícula, afinal de contas até na indústria automóvel se fala de que os carros têm x cavalos, e ninguém até hoje se indignou!

Muito pior do que isso, era se fossemos de cavalo para burro…

publicado por contasclaras às 10:18 | link do post

Todos olham,
poucos vêem,
ninguém se interessa!

É tudo muito rápido!
Não há tempo,
nem que houvesse,
haveria tempo!

Corre-se muito,
tropeça-se não se sabe bem em quê,
mas continua a não haver tempo!

Uns olham,
outros fingem olhar,
e outros não querem olhar!

Olhar,
pertuba-nos,
incomoda-nos,
inquieta-nos,
compromete-nos definitivamente!

Eu sei que não devia,
mas vou continuar a olhar,
é inconsciência, eu sei,
mas não olhar...
perturba-me constantemente...

Às vezes é tão cómodo não olhar...

Pois é!...mas não pode ser...

publicado por contasclaras às 11:01 | link do post

 




Eu - Portugal é um jardim à beira mar plantado?

 

E eu - Sim, só que não brilha como dantes…

 

EuOs Políticos portugueses são sérios?

 

E euSim, só que não parecem…

 

Eu – Os Portugueses gostam de ouvir o Victor Gaspar?

 

E eu – Sim, só que não conseguem deixar de adormecer…

 

Eu – Portugal vai ser um País próspero?

 

E eu – Sim, só que não para a maioria…

 

Eu – Você é uma pessoa optimista?

 

E eu – Sim, só que não me lembro da última vez em que fui tão inconsciente…

 

Eu – Mudando de assunto, acredita nas universidades portuguesas?

 

E eu – Sim, só que não consegui nenhuma equivalência como o relvas…

 

Eu – Acredita no ensino actual?

 

E eu – Sim, só que não entendo porque é que os miúdos não sabem fazer contas e escrever em Português…

 

Eu – Acredita no novo acordo ortográfico?

 

E eu – Sim, só que não pratico…

 

Eu – Acredita numa sociedade com valores?

 

E eu – Sim, só que não acredito que alguém se lembre como era…a não ser que vejam a RTP memória…

 

Eu – Você é sempre do contra?

 

E eu – Sim, só que não é sempre…

publicado por contasclaras às 10:56 | link do post

Claro!

Temos que deixar de dar subsídios a quem não trabalha!

Os Políticos e os Deputados que não produzem quase nada, recebem altas remunerações.

Temos que acabar com este Estado Social!

Não é preciso despedir 50 mil funcionários públicos com diz o FMI.

Basta só mandar esta malta da política pregar a outra freguesia...

publicado por contasclaras às 15:20 | link do post

Uma pergunta filosófica...

- Correr com a Troika a "passos" largos e fechar as "portas" para eles nunca mais entrarem...pode não ser um pensamento muito profundo, mas é muito actual...

- Descontar para a nossa reforma no futuro...este sim um pensamento muito filosófico...

- Com este tempo não apetece ir a lado nenhum...

Pensando bem...vamos todos fazer as malinhas e vamo-nos pisgar daqui!

Mandamos depois um Post através do facebook ao Passos e ao Cavaco a dizer que afinal já não estamos contra mais aumentos de impostos e mais portagens e que os vamos deixar à vontade...

publicado por contasclaras às 15:19 | link do post

Sou uma pessoa positiva!

Acredito sempre nos melhores cenários.
Fiquei estupefacto, ao ver a reacção das pessoas ao discurso de natal do nosso Primeiro-Ministro.

Acusam-no de não ser realista. Desculpem, não concordo!

Quando imagino o próximo ano…dá-me vontade de sorrir.

Começo a imaginar o discurso do Dr. Passos Coelho e…

- Os impostos não vão aumentar…sorrio;
- O desemprego não vai aumentar…sorrio;
- Os jovens não vão emigrar…sorrio;
- Os cuidados de saúde não vão ficar mais caros…sorrio;
- Estamos no bom caminho…sorrio;
- Portugal vai pagar o que deve…sorrio;
- A Sra. Merkel vai atenuar a austeridade…sorrio;
- O Ministro das Finanças vai começar a falar mais rápido…sorrio;
- O Dr. Paulo Portas vai ser leal ao 1º Ministro…sorrio;
- Portugal vai começar a produzir…sorrio;
- Portugal vai começar a crescer…sorrio;
- Os “Velhinhos” vão viver melhor…sorrio;
- A Escolaridade obrigatória vai continuar a ser gratuita…sorrio;
- O BPN não vai ter mais nenhum “buraco” financeiro…sorrio;
- Os mais ricos vão pagar mais impostos…sorrio;
- As reformas não vão descer…sorrio;
- Os Portugueses vão ter dinheiro para pagar as suas dívidas…sorrio;

- Vocês acreditam em tudo o que eu disse acima…dou uma grande gargalhada!

Como demonstrei acima…só motivos para sorrir no próximo ano…

publicado por contasclaras às 15:16 | link do post

Tenho muitas perguntas e só algumas respostas;
Tenho muitas dúvidas e só algumas certezas;
Tenho muitos anos de estudo e nenhuma equivalência;
Tenho muito papel em casa e só algum é que são notas;

Passos Coelho:
Tenho muitas respostas e só algumas perguntas;

Victor Gaspar:
Tenho muitas certezas e só algumas dúvidas;

Miguel Relvas:
Tenho muitas equivalências e poucos anos de estudo;

Dias Loureiro:
Tenho muitas notas em casa e muito pouco papel;

Como são diferentes os Políticos em Portugal...

publicado por contasclaras às 15:14 | link do post

- Não ter dinheiro suficiente para sustentar a família?


- Comer sardinhas em vez de camarão?


- Os almoços fora passarem a ser invariavelmente na varanda lá de casa?



Não! definitivamente não!



Ser pobre é viver num País onde os políticos que mandam, nos deitam a mão ao bolso sem nos pedir licença e tiram o que bem lhes apetece.

Estou a pensar começar a dar-lhes uma palmada na mão sempre que eles me vierem ao bolso...

Não é por nada, mas que ando a matutar nisto, lá isso ando...

publicado por contasclaras às 15:12 | link do post

Fala-se muito na crise económica e financeira, quanto a mim em demasia.

Ninguém me tira da ideia que a principal crise da sociedade moderna é de valores.

Senão vejamos:

Eu não sei o que acontece convosco, mas comigo cada vez tenho menos "valores" na carteira...essa é que é essa...

Eu sei que esta opinião não é consensual, mas que eu sinto a falta de "valores" no dia à dia, lá isso sinto...

publicado por contasclaras às 15:10 | link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
comentários recentes
=DSe não pela força interior, que seja por outras ...
Muito bom, Paulo!A situação de abandono e desrespe...
Parabéns pelo blog, Paulo!Sua forma de escrever pe...
Infelizmente, é difícil largar a mentalidade de ga...
As pessoas querem perfeição, mas esquecem que perf...
Desculpe, mas será que as pessoas não conseguem ve...
Qual regional? O Puerto é uma nação, carago!
Eu diria melhor a que nós já tristemente nos habit...
Parece-me que esse abalo seria sobretudo demolidor...
Sr. DavidEu até pensava que tinha sido muito radic...
arquivos
subscrever feeds
SAPO Blogs